Diretora da Barsa, Sandra Cabral fala sobre parceria com SinBiesp
Banner
Photo Photo Photo
Home  //  Notícias  //  Diretora da Barsa, Sandra Cabral fala sobre parceria com SinBiesp
Diretora da Barsa, Sandra Cabral fala sobre parceria com SinBiesp

A Diretora de Treinamento e Marketing da Barsa Planeta, Sandra Cabral, concedeu uma entrevista ao SinBiesp Notícias e comentou sobre a recém fechada parceria com o sindicato, a história da Barsa e a importância do profissional bibliotecário. A Diretora de Treinamento e Marketing da Barsa Planeta, Sandra Cabral, concedeu uma entrevista ao SinBiesp Notícias e comentou sobre a recém fechada parceria com o sindicato, a história da Barsa e a importância do profissional bibliotecário.

“Considero o bibliotecário um incentivador ao hábito da leitura. Ele é o profissional que tem condições de promover o desenvolvimento cultural, científico e político por atuar em parceria com o educador, a partir do momento em que está em suas mãos indicar este ou aquele livro ao consulente. O bibliotecário é o profissional especializado em descomplicar a informação e deve ser respeitado por isso”, afirmou.

Sandra Cabral mostrou-se empolgada com o novo acordo com o SinBiesp. “As parcerias são muito importantes para ambos os lados. Nós temos uma obra de pesquisa de referência e vocês têm o material humano de referência, que são os bibliotecários. Esta sinergia tem tudo para dar certo.”

Leia a entrevista na íntegra:

SinBiesp: Conte-nos um pouco sobre a história da Barsa.

Sandra Cabral: A Enciclopédia Barsa é o resultado de um plano longamente estudado, desde a formação, em 1950, da Encyclopaedia Britannica do Brasil, constituída pelo advogado e diplomata Alfredo de Almeida Sá, nascido na Bahia, e por sua esposa, Dorita Barret, nascida nos Estados Unidos. A palavra BARSA é fruto da junção dos dois nomes: Barret e Sá.

A publicação da Enciclopédia Barsa, totalmente planejada e redigida no Brasil por mais de 268 especialistas, dentre escritores, professores, historiadores e jornalistas, representa a conjunção de dois fatores: o trabalho de criação imediata, em mais de cinco anos de dedicação e esforços devotados a uma obra moderna e objetiva, capaz de responder à necessidade que tinha o País de uma obra dessa envergadura; e a tradição da Encyclopaedia Britannica que, a partir de 1768 primeiro na Inglaterra e depois nos Estados Unidos, tornou-se a mais importante obra universal no campo da formação e do saber humanos.
Embora aproveitando a experiência bissecular da Encyclopaedia Britannica, ficou logo estabelecido que o projeto seria totalmente realizado no Brasil, não apenas quanto a parte redatorial, mas também em relação aos processos de impressão e acabamento do material dos volumes. Em suma: uma enciclopédia feita por brasileiros para o Brasil.

Entre alguns dos colaboradores desta obra podemos destacar: Aroldo de Azevedo, Américo Barbosa de Oliveira, Rachel de Queiróz, Gilberto Freyre, Aurélio Buarque de Holanda, Luiz Vianna Filho, Sérgio Buarque de Holanda, Oscar Niemeyer, Sérgio Millet, Jorge Amado, Alceu Amoroso Lima, Dom Helder Câmara, Austregésilo de Athayde, Arthur Hehl Neiva e Antônio Callado como redator chefe. Além das Universidades Federais, Estaduais e Instituições de Ensino.

De lá para cá a obra teve edições ininterruptas. Em 1997 a Barsa lançou junto com o formato impresso o eletrônico – primeiro CD ROM do Brasil com som, movimento e imagem - e o primeiro portal com temas relacionados a educação e pesquisa. Em 2004 lançamos o primeiro DVDROM Barsa. A edição 2007 além de integrar as mídias: impressa, eletrônica e Internet, conta com a possibilidade de atualizar a enciclopédia mensalmente através do site www.barsasaber.com. Esta é uma inovação do mercado.

SinBiesp: A Barsa influencia até hoje na educação no Brasil. Como a empresa vê isso?

Sandra: A Barsa tornou-se referência por ter sido a primeira obra do gênero no Brasil e por contar com um conteúdo confiável e incontestável. A seriedade com que sempre tratou os verbetes fez dela uma tradição familiar, passada de pais para filhos. A Barsa tornou-se sinônimo de enciclopédia, referendada por docentes, formadores de opinião, catedráticos e estudiosos. Esse reconhecimento do público em geral, sobre a qualidade da enciclopédia em todos os sentidos, faz com que nos sintamos orgulhosos, mas cada vez mais responsáveis pela continuidade, modernização e inovação dessa obra com o intuito de atingir todas as faixas etárias e de escolaridade.

SinBiesp: Quantas bibliotecas a Barsa atende no Brasil?

Sandra: Temos em nosso cadastro mais de 4 mil bibliotecas que adquiriram nossos produtos diretamente, ou seja, a razão social no contrato de venda é da biblioteca. Porém, na prática, muitos municípios e também o MEC adquirem enciclopédias Barsa para repassarem para bibliotecas públicas, então este número é bem maior.

SinBiesp: Hoje como funcionam as vendas dos produtos da Barsa? Ainda tem a venda porta a porta?

Sandra: A venda porta a porta corresponde 70% do faturamento. Temos mais de 1.500 vendedores que são formados e treinados para trabalhar na venda direta. Este é o canal de vendas onde a Barsa sempre foi divulgada. Nosso forte é falar diretamente com possíveis clientes em suas casas ou no seu trabalho.

SinBiesp: Como foram as vendas em 2007 e qual a perspectiva para este ano?

Sandra: Em 2007 vendemos 50 mil obras Barsa. Nossa previsão é vendermos 60 mil em 2008.

SinBiesp: A Barsa e o SinBiesp acabaram de fechar uma parceria, garantindo aos bibliotecários condições especiais. Como a senhora vê esse acordo?

Sandra: As parcerias são muito importantes para ambos os lados. Nós temos uma obra de pesquisa de referência e vocês têm o material humano de referência, que são os bibliotecários. Esta sinergia tem tudo para dar certo.

SinBiesp: Para a senhora, qual a importância do bibliotecário para a educação e cultura no País?

Sandra: Considero o bibliotecário um incentivador ao hábito da leitura. Ele é o profissional que tem condições de promover o desenvolvimento cultural, científico e político por atuar em parceria com o educador, a partir do momento em que está em suas mãos indicar este ou aquele livro ao consulente.

O bibliotecário é o profissional especializado em descomplicar a informação e deve ser respeitado por isso. Quando era criança freqüentei muito bibliotecas e sempre tive muito carinho e respeito pela figura da bibliotecária, que me ajudava nas pesquisas escolares e sempre me indicava a Enciclopédia Barsa. Percebia que além de uma orientadora ela também era usuária da biblioteca, por isso conhecia a localização exata do material que indicava.

 

 

PARA ASSOCIAR- SE

PARA ASSOCIAR- SE

Valor da anuidade 284,00.

Clique aqui p prencher cadastro e as condicoes p pagto.

JUSTIÇA DECRETA

JUSTIÇA DECRETA: QUEM NÃO CONTRIBUIR

COM O SINDICATO, NÃO TERÁ DIREITO

AOS BENEFICIOS DO ACORDO

Clique aqui para ler a integra

CONSULTE FGTS

consulta-saldo-fgts

Av. Nove de Julho, 40 - 6º andar - Conj 6F e 7º andar Conj 7G- CEP: 01312-000 - São Paulo - SP - Tel.: 11 3242-0911 - Fax: 11 3237-1080